sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Oremos!

Orar é falar com Deus.
Tendo isso em mente, posso então orar a qualquer momento e em qualquer lugar, visto ser Deus onipotente e onipresente.
E, costumamos falar com quem conhecemos e temos uma certa afinidade. Raramente falamos com estranhos, a não ser se necessário e geralmente o essencial.
Mas Deus não é nenhum estranho. Ele é o amigo presente, é o Deus conosco.
Falemos com esse amigo, em tempo e fora de tempo!