quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Deus vai pesar a mão!

Tenho ouvido muitos falarem esta frase: "Deus vai pesar a mão", querendo dizer que Deus vai castigar ou se vingar de alguém que praticou algum tipo de mal ou pecado. De fato, a Bíblia afirma que a vingança pertence ao Senhor (Rm 12.19; Hb 10.30), mas isto não significa que Deus sai por aí se vingando de todos os que cometem alguma maldade. Deus não tem o culpado por inocente, nem o inocente por culpado. Entretanto, quando se usam a frase citada, querem exigir de Deus uma ação imediata a algum mal recebido. Há, inclusive, os vingadores de plantão que querem ver o ofensor pagando um preço muito alto por sua ofensa, ou até mesmo na lama! Desejam que aconteça algo terrível da noite para o dia com a tal pessoa! Alguns chegam ao absurdo de quererem até mesmo dar "uma mãozinha a Deus", inflingindo ao ofensor algum tipo de castigo ou punição. Esses "vingadores" não conseguem conceber a idéia de que Deus também é perdoador e misericordioso para com os que se arrependem do mal praticado. Não nos esqueçamos do que diz o Salmo 103.10 "Não nos tratou segundo os nossos pecados, nem nos recompensou segundo as nossas iniqüidades". Deus perdoa o pecador arrependido. Se houver a necessidade de reparação, lógico que o ofensor deverá fazer a devida reparação. Mas o desejo de vingança é incompatível com o ensino de Cristo. Seria a mesma coisa que aprovarmos a pena de morte a um criminoso, pois estaríamos descartando a idéia de que tal criminoso pudesse se arrepender e ser salvo! Aos vingadores de plantão, Jesus diz: "Ide, porém, e aprendei o que significa: Misericórdia quero, e não sacrifício" (Mt 9.13).
Aprendamos, pois, com Cristo!

Um comentário:

Danilo Fernandes disse...

MuPr Auriberto,

Otima reflexão.

Paz!

Danilo Fernandes

http://www.genizahvirtual.com/